A localização da acne em seu corpo tem um significado secreto que você vai querer saber

A acne é uma condição comum da pele que afeta a maioria das pessoas em algum momento da vida, sendo mais percebida durante a adolescência.

Nessa fase, o surgimento das espinhas ocorre com mais frequência no rosto, costas e peito, e está normalmente ligado às alterações nos níveis hormonais.

Mas nem sempre os hormônios são os culpados pelo surgimento das espinhas e dos cravos, pelo menos é o que diz a medicina popular Chinesa e Ayurvédica.

Se você esta sem tempo para ler o artigo, veja o vídeo abaixo:

Segundo eles, o corpo humano pode ser dividido em zonas, onde o aparecimento da acne está correlacionado com diferentes causas.

No vídeo de hoje, iremos te mostrar o que as espinhas em cada região do corpo podem dizer sobre você:

Pescoço e queixo
Espinhas nessa região geralmente estão conectadas aos hormônios, mas também podem ser relacionadas às glândulas adrenais, cujo maior vilão é o estresse. A dieta também pode afetar essa região, então tente cortar o consumo excessivo de açúcar, se esse for seu problema!

Ombros
Já reparou que quando estamos muito estressados nossos ombros ficam mais tensionados? O estresse também pode ser o culpado pelo surgimento de espinhas nessa região, então uma boa saída é praticar alguma atividade para aliviar o estresse, como a ioga.

Peito
As espinhas que aparecem na região do peito geralmente estão ligadas a problemas digestivos. Considere melhorar a sua dieta, evitando alimentos processados e seguindo uma dieta limpa e veja se essa condição melhora. Outra possível causa podem ser suas roupas. Por acaso você anda usando roupas que não

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.