Aviso: pare de usar açafrão da terra ou cúrcuma se você se enquadra em 1 desses 6 itens

Muitas pessoas usam açafrão da terra ou cúrcuma com freqüência em muitos alimentos, uma vez que é uma especiaria com característica, cheiro e sabor agradáveis.

Além disso, tem muitas propriedades que aumentam a nossa saúde e nos ajudam a prevenir e curar doenças diferentes.

Porém ainda assim, alguns problemas de estômago, diarreia, náuseas e tonturas podem aparecer como efeitos colaterais em algumas pessoas.

Se você adicionar pimenta preta durante o consumo de açafrão, ele se iguala a 29 xícaras que é considerada a dose máxima diária de açafrão.

Isso não é bom para algumas pessoas, uma vez que aumenta os níveis de açúcar no sangue.

Aviso: Pare de usar açafrão da terra ou cúrcuma se você tem 1 desses 6 sintomas

Os seguintes tipos de pessoas não deve usar cúrcuma:

1. As mulheres grávidas

É melhor adicionar açafrão em suas refeições como uma especiaria, do que tomar suplementos de açafrão. Isso é verdade ainda mais quando se trata de mulheres grávidas.

Durante a gravidez e a amamentação, é sempre mais seguro consumir açafrão por via oral em quantidades regulares do que usá-los como aditivos alimentares.

Além disso o açafrão é conhecido por ter efeitos no período menstrual e por estimular o útero.

2. As pessoas que têm cálculos biliares

Pesquisas recentes mostram que o açafrão da terra ou a cúrcuma pode estimular a dor em pessoas que sofrem de cálculos biliares.

É por isso que, se você tiver  este problema, você deve evitar o consumo de açafrão.

No entanto, você deve saber que a curcumina, um composto presente no açafrão ativa, e melhora a função do fígado evitando a formação de cálculos biliares em primeiro lugar.

1natureba

3. Pessoas com obstrução das vias biliares

A curcumina é conhecida por melhorar o trabalho e a função da vesícula biliar e por reduzir o risco de câncer da vesícula biliar e cálculos biliares. Ainda assim, as pessoas que têm problemas com obstruções das vias biliares devem ser cautelosos ao consumir açafrão.

4. As pessoas que têm pedras nos rins

Se você consumir cúrcuma em grandes quantidades, você aumenta o risco de formação de cálculos renais.

Açafrão é cheio de oxalatos solúveis em água que se podem ligar ao cálcio e formar oxalato de cálcio insolúvel, uma substância responsável por quase 75 % de todos os casos de pedras nos rins.

Assim, as pessoas que são susceptíveis a cálculos renais deverão evitar o consumo de açafrão, ou pelo menos limitar o consumo de oxalato dietético para menos de 50 miligramas por dia.

5. As pessoas com diabetes

A cúrcuma pode reduzir os níveis de açúcar no sangue e, assim, fazer com que os diabéticos experimentem a queda considerável em seus níveis de açúcar no sangue.

Isto significa que os diabéticos só estão autorizados a consumir cúrcuma em quantidades limitadas.

6. As pessoas que irão fazer uma cirurgia

As pessoas que precisam de uma cirurgia devem parar de consumir o açafrão 2 semanas antes da cirurgia, já que a cúrcuma tem a capacidade de impedir a coagulação do sangue e pode levar a hemorragia durante e após a cirurgia.

Obrigada por ler esta informação, e por partilha-la com as pessoas a sua volta.

Fonte:  healthandlovepage

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.