Comer sementes de chia é bom para o que? 5 benefícios da sementes de chia

Quem vê um punhado de sementes de chia talvez não imagine que elas algum dia tenham sido utilizadas até como moeda.

Durante muitos séculos, essas sementes foram fundamentais para a sobrevivência dos astecas e maias, por isso as utilizavam até para pagar seus impostos.

Se você esta sem tempo para ler o artigo, veja o vídeo abaixo:

Hoje em dia, sabemos que essas pequenas sementes escuras, brancas ou acinzentadas, são um superalimento, por serem boa fonte de proteínas e conterem todos os aminoácidos essenciais, proteínas, vitaminas e minerais, além de fibras solúveis e insolúveis.

Se você ainda não tem o hábito de consumir essas sementes, vamos te dar 5 razões que podem te fazer mudar de idéia:

Fonte de antioxidantes naturais
Você já ouviu falar nos radicais livres? São moléculas instáveis liberadas pelo organismo e que em excesso podem ser tóxicas.

Os antioxidantes são responsáveis por combater os radicais livres, que podem causar doenças cardiovasculares, diversos tipos de câncer e envelhecimento precoce.

A chia, por ser rica em antioxidantes naturais, atua justamente de forma a neutralizar a ação dessas moléculas, contribuindo para manter a saúde do coração, além de deixar a pele, o cabelo e as unhas ainda mais saudáveis.

Ajudam a emagrecer
A chia se tornou muito popular nos últimos anos, devido a sua fama de ser ótima para quem quer perder peso. E isso é realmente verdade, devido ao fato das sementes nos manterem saciados por mais tempo, já que quando estas entram em contato com água, elas rapidamente incham, e ajudam a preencher o estômago.

Além disso, alguns estudos apontam que consumir chia regularmente ajuda na luta contra aquelas gordurinhas localizadas.

Controle da diabetes
A chia também é uma grande aliada para quem sofre com o diabetes ou para aqueles que querem prevenir essa doença.

Quando essa semente é consumida junto com alimentos que são fontes de carboidratos, ela diminui a velocidade com que eles são absorvidos.

Isso faz com que a glicose também seja liberada mais lentamente, impedindo que o pâncreas fique sobrecarregado com a produção de insulina.

Ossos e dentes fortes
Muitos povos que consomem a chia regularmente acreditam que essas sementes os tornam mais fortes e resistentes.

Isso é bastante verdade, pelo menos quando falamos dos nossos ossos e dos dentes. Tem em sua composição alto teor de cálcio, magnésio, ferro e zinco, minerais com papel importante para a saúde e o fortalecimento dos ossos e dentes.

Coração mais saudável Por ser rica em ácidos graxos como o ômega 3, o consumo de chia é muito benéfico também para o coração.

Esses ácidos graxos protegem contra ritmos anormais do coração, reduzem a pressão sanguínea e a frequência cardíaca e melhoram a função dos vasos sanguíneos.

Eles também podem diminuir as triglicérides, que prejudicam o coração. Devido ao fato que o nosso organismo não produz ômega 3, é fácil perceber a importância do seu consumo para nossa saúde.

E você costuma comer chia regularmente?

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.