Como limpar suas artérias coronárias com apenas 3 ingredientes

Esta sem tempo ou não quer ler toda a matéria? Assista o vídeo abaixo:

Uma dieta rica em calorias e açúcar e de baixa qualidade nutritiva pode ser destrutiva para a sua saúde cardiovascular.

Você pode ter ouvido sobre como o colesterol pode se acumular em suas artérias e colocar pressão desnecessária sobre o seu coração.

A maioria das pessoas que sofrem disto necessitam de medicamentos para combater os efeitos dos níveis elevados de colesterol, mas a condição pode ser facilmente administrada pelo que é consumido, através da comida.

O que é colesterol?

Níveis elevados de colesterol podem levar à um acúmulo de placas nas paredes das artérias, estreitando as artérias e causando uma condição chamada aterosclerose. Isso prejudica o fluxo de sangue por todo o corpo e aumenta o risco de doença cardíaca e acidente vascular cerebral (1).

Existem dois tipos principais de colesterol (2):

lipoproteína de baixa densidade (LDL): “mau” colesterol que transporta partículas de colesterol por todo o corpo e acumulam-se nas paredes das suas artérias, tornando-as estreitas.

lipoproteína de alta densidade (HDL): “bom” colesterol que pega o excesso de colesterol e leva-o de volta para o fígado para ser eliminado através da bile.

Como limpar artérias coronárias

Altos níveis de colesterol LDL são normalmente causados pelo tabagismo, má alimentação, sedentarismo, diabetes e estão ligados à obesidade.

Para deixar isso simples, ter “mau” colesterol elevado, na maioria dos casos, é simplesmente um reflexo de um estilo de vida não saudável.

Receita para acabar com o Colesterol ruim

Esta receita fornece ao seu corpo nutrientes que podem ajudar a quebrar o colesterol ruim e limpar suas artérias enquanto você faz a transição para um estilo de vida mais saudável.

Ingredientes:

4 litros de água potável
8 limões orgânicos
8 dentes de alho orgânico
4-5 cm de gengibre orgânico

Instruções:

Lave os limões adequadamente para limpar a casca, mas não descasque.
Fatie o limão e descasque o gengibre e o alho.
Esmague o alho e deixe descansar por 15 minutos. Isso irá ativar a alicina.
Coloque tudo, menos a água, no liquidificador e pulse até ficar homogêneo.
Em uma panela média, acrescente a água e a pasta e aqueça em fogo médio.
Quando começar a ferver, retire a mistura do fogo.
Deixe esfriar e coe o líquido.
Despeje a bebida em potes de vidro ou garrafas com tampa e guarde na geladeira.

Como usar:

Beba diariamente 200 ml com o estômago vazio duas horas antes das refeições. Combine com exercícios 3 vezes por semana.

Como funciona:

Gengibre: previne doença cardíaca através da inibição da acumulação de plaquetas nas artérias e inibe a biossíntese de colesterol.

Além disso, ele não tem os efeitos secundários negativos de outros medicamentos, tais como a aspirina.

Alho: O alho é tradicionalmente usado para ajudar a prevenir doenças cardíacas, incluindo aterosclerose ou endurecimento das artérias, que são fatores de risco para doença cardíaca e derrame.

Ele também trata níveis elevados de colesterol, pressão arterial elevada e estimula o sistema imunológico.

Um estudo que durou 4 anos descobriu que as pessoas que tomaram 900 mg por dia de alho em pó retardaram o desenvolvimento da aterosclerose.

Ele também contém antioxidantes que combatem os radicais livres para prevenir doenças cardíacas, câncer e doença de Alzheimer.

Limões: ingestão de limão diário e caminhadas mostraram efeitos significativos sobre a redução da pressão arterial, ao mesmo tempo aumentando a contagem de células vermelhas do sangue.

O limão também ajuda a desintoxicar o fígado para evitar excesso de colesterol.

Fonte: curapelanaturezanaturalhealthcareforyou

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.