Dê folga às suas pernas: receita natural para eliminar varizes, rachaduras e calos!

Uma das regiões mais problemáticas do corpo humano é a região dos calcanhares, pés e pernas. Uma vez que sustentam todo o peso do corpo, essas regiões são frequentemente abatidas por calos e rachaduras, além da alta incidência de varizes.

O uso de calçados mais apertados mais pesados e de saltos mais altos, no caso das mulheres, também impacta muito essas regiões, além de alterar a nossa postura.

Por serem regiões com baixa hidratação natural, nossos hábitos alimentares também podem influir no aparecimento de calos.

E ainda sim, são regiões que tratamos pouco.

Isso é um problema, pois calos e rachaduras podem ser sintomas de doenças mais graves psoríase, distúrbios da tireoide, eczema e diabetes.

Os sintomas mais significativos são os calos grossos na cor amarelo-escura.

Mas a pele seca e grossa da região dos pés também pode gerar efeitos como inchaço, descamação, vermelhidão e coceira.

Entretanto, podemos combater esses males a partir de receitas simples e de fácil acesso, todas à base de aspirina.

Isso mesmo. A aspirina remédio que você compra na farmácia.

rachadura nos pés

É compreensível o espanto com um site que traz novidades naturais e, de repente, menciona uma receita com o uso de um fármaco, mas preste atenção na receita para entender melhor.

O uso da aspirina, neste caso, não é interno. Ela será o ingrediente básico das receitas, mas ambas são de uso externo, ou seja, você não irá consumir a aspirina. Irá usá-la, por assim dizer.

A aspirina é derivada da planta salgueiro, mas nesse caso específico não usaremos a planta, o que não significa que você não possa usá-la também.

A opção pela aspirina em forma de remédio é unicamente pela alta concentração da substância e como o uso será externo, quanto maior a concentração melhor, sem causar os danos que a superdosagem interna da aspirina causaria.

Preste atenção nas receitas e livre-se dos calos, das rachaduras e das varizes indesejadas, melhorando sua qualidade de vida!

Receita 1

Você vai precisar de:

– 250 ml de ácool ou vodca
– 10 comprimidos de Aspirina

Preparação:

Esmague as aspirinas e coloque o pó dentro do vidro de álcool ou vodca.
Deixe em repouso entre 24h a 48h, mexendo durante a noite.
Aplique nos pés com algodão e use meias para deixar a mistura atuar em seus pés durante a noite.
Quando acordar, lave os pés e, após secá-los, aplique um hidratante.
Os resultados do tratamento de calos e rachaduras aparecem em 10 dias.
Para usar essa mistura no combate às varizes, basta aplica-la no local da veia que você quer tratar e deixar agir por 1h.
Após o tempo necessário lave abundantemente.

AVISO: Apesar de eficaz, esse tratamento não poderá ser usado em casos de pessoas que estão tomando medicamentos anticoagulantes.

AVISO 2: Por se tratar de um medicamento, aconselha-se fazer um teste de toque para detectar possíveis reações alérgicas. Basta colocar um pouco da solução de aspirinas com álcool/vodca no cotovelo e aguardar por alguns minutos. Caso não haja reações, você pode usar sem problemas.

Receita 2

Você vai precisar de:

2 a 3 copos de leite
Bicarbonato de sódio

Preparação:

Coloque o leite numa bacia onde você costuma banhar seu pés.
Mergulhe os pés normalmente na bacia e coloque um pouco de bicarbonato de sódio.
Massageie o bicarbonato de sódio na região dos calos por 5 minutos.
Enxugue com uma toalha.

Ambas as receitas podem ser aplicadas todo dia no horário de dormir.

Fonte:  healthyfoodteam

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.