Elimine toxinas e limpe seu cólon com esse suco caseiro

Muitas pessoas sofrem de constipação crônica, síndrome do intestino irritável e outros problemas digestivos. Isso porque o cólon tem função de eliminar os resíduos, e manter o bom funcionamento do sistema digestivo.

Existem alguns procedimentos caseiros, que você pode fazer para aliviar as dores causadas pela presença de toxinas e problemas digestivos.

A limpeza do cólon pode ajudar a liberar essas toxinas, e naturalmente aliviar a constipação. Basta planejar um dia em que você não vá precisar sair de casa para começar o processo de desintoxicação.

Ingredientes:
1/2 xícara de água purificada quente
1/2 colher de sal marinho
1/2 xícara de suco de maçã
1 colher de chá de suco de gengibre
2 colheres de suco de limão

Coloque um pouco de água para esquentar, assim que estiver quente coloque no copo. Acrescente o sal do mar , o suco de maçã, o de gengibre e o de limão.
Beba em jejum pela manhã, antes do almoço e no meia da tarde.
Beba de 6 a 8 copos de água morna durante o dia todo.
Esse tipo de limpeza de cólon não deve trazer nenhum problema, mas de qualquer forma se estiver grávida, ou caso tenha alguma doença ou faça uso de medicamentos consulte seu médico antes de fazer.
Se for diabético não beba esse suco, devido ao açúcar contido no suco da maçã.

Fonte: Flush Toxins From Your Body With This Homemade Colon Cleanse Juice

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.