Esse simples remédio natural vai acabar com as pulgas e carrapatos do seu cão/gato

As pulgas são verdadeiras vilãs para os bichinhos de estimação. E além da coceira excessiva e pele irritada, essa praga pode causar problemas ainda mais graves, como verme, anemia, estresse e transmissão de vírus.

A saliva das pulgas provoca uma forte reação alérgica, e as consequências disso são queda dos pelos, feridas e mau cheiro.

Apesar de haver shampoo, sabonetes, coleira, bisnagas e muitos outros produtos para acabar com as pulgas, há quem ainda prefira produtos naturais.

como tirar pulga de cachorro e gato (2)

INGREDIENTES

1 litro de álcool de cereais (você encontra em lojas de essências/material para perfume)

3 pedras de cânfora (você encontra em farmácias; existem dois formatos: um quadradinho tipo pastilha – este você coloca 3 pedras; e há as pedrinhas menores, no formato de comprimidos – este você coloca umas 5).

1 pacote de cravo-da-índia

1 copo de vinagre branco

MODO DE PREPARO

Mistures todos os ingredientes até as pedras de cânfora dissolverem.

Coloque a mistura num borrifador e aplique no animal – cuidado com os olhos e o focinho dele.

MAS ANTES faça um teste: aplique um pouco do borrifador no seu cão/gato e veja se ocorre alguma reação alérgica.

É importante também usar o borrifador natural nos objetos do animal (não nos que ele põe na boca) e nos cantos da casa.

Fonte:  blupet

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.