Este remédio caseiro e natural vai ajudar você a parar de fumar para sempre!

No século passado o cigarro era visto como um símbolo de status.

As propagandas não apenas eram permitidas, como inacreditáveis para os dias de hoje.

Já pensou num bebê sendo o garoto-propaganda de um anúncio publicitário de cigarros?

Agora imagine um médico… era bem assim!

Nessa época não havia o conhecimento do perigo que essa droga causa, porém nos dias de hoje tudo é bem diferente: as propagandas estão proibidas e a própria embalagem deve alertar sobre os riscos do tabagismo.

O número de fumantes no Brasil e no mundo vem diminuindo.

As consequências de fumar vão de dentes estragados a câncer, assim como impotência sexual, derrame cerebral e gastrite.

Como se livrar do vício?

Não é simples, requer muita força de vontade.

Como apoio, o fumante pode usar um chá de ervas que têm a capacidade de tranquilizar e diminuir a vontade pelo cigarro. Veja agora o chá que pode te ajudar neste caso:

INGREDIENTES

1 litro de água

1 colher (sopa) erva-cidreira

1 colher (sopa) de mulungu

1 colher (sopa) de tanchagem

1 limão descascado e picado

cigarro_-_cha_para_parar_de_fumar

MODO DE PREPARO

Coloque a água para ferver, quando estiver fervendo, coloque as ervas e o limão e desligue o fogo. Após 20 minutos, coe.

Tome 1 xícara 5 vezes por dia durante 45 dias.

Talvez você tenha dificuldade de encontrar a erva mulungu (vende-se em lojas de produtos naturais), mas mesmo assim faça o chá. O que não pode faltar de maneira alguma é a tanchagem, pois esta planta tem a capacidade de eliminar a nicotina.

Fonte:  naturallivingideas

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.