Este shampoo caseiro é o melhor para o seu animal de estimação – cachorro e gato

O nosso animal de estimação merece muito carinho e todo o tipo de cuidado.

Por isso devemos nos preocupar não só com a alimentação, mas também com os produtos que usamos para fazer a higiene deles.

É por isso que este shampoo é uma receita muito especial, pois, além de livrar seu cão da química dos produtos industrializados, vai dar a ele um pelo muito mais macio, cheiroso e brilhoso.

E o melhor: é bom e barato. Ele serve tanto para cães como para gatos.

O primeiro passo da receita é você conseguir um recipiente com tampa. Em seguida lave-o bem, pois é nele que você vai guardar o shampoo.

xampu_para_caes_-_novo

INGREDIENTES

Chá forte de alecrim (2 xícaras)

1 xícara de vinagre de maçã

6 gotas de óleo essencial de lavanda

1 quarto de xícara de glicerina (se for vegetal, melhor)

1 xícara de sabonete líquido neutro

MODO DE PREPARO

Faça o chá de alecrim. Faça um chá forte. Espere esfriar. Depois, coloque-o dentro do recipiente que você selecionou para armazenar o shampoo.

Na sequência, adicione os outros ingredientes: o vinagre de maçã, o óleo, o sabonete neutro e a glicerina. Feche e agite muito bem para que todos os ingredientes fiquem misturados.

Agora você já pode dar ao seu animal de estimação um banho gostoso e natural.

Antes de usá-lo sempre agite-o bem.

Fonte:  dogster

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.