Magnésio é um grande calmante: veja como relaxar e vencer a insônia com esse mineral

Você sabia que a deficiência de magnésio aumenta as chances de uma pessoa morrer em duas vezes?

Segundo um estudo publicado no Jornal Intensivo de Cuidados Médicos, quem não tem carência de magnésio é mais resistente e tem maior chance de viver mais.

O fato é que a deficiência desse mineral é responsável por uma longa lista de sintomas e doenças. Porém a maioria das pessoas tem deficit de magnésio e não sabe disso.

O magnésio é um verdadeiro antídoto para o estresse, o mais poderoso relaxante mineral, e pode ajudar você a controlar sua ansiedade e a melhorar o seu sono. Ele relaxa o corpo.

Se você está tenso, irritado, rígido – seja uma parte do corpo ou mesmo um estado de espírito -, é um sinal de deficiência de magnésio.

Quais os sintomas da deficiência de magnésio?

– Cãibras musculares ou espasmos

– Dores musculares

– Insônia

– Irritabilidade

– Sensibilidade a ruídos altos

– Ansiedade

– Autismo

– Taquicardia

– Angina

– Constipação

– Dores de cabeça

– Enxaqueca

– Fibromialgia

– Cansaço crônico

– Asma

– Pedras nos rins

– Diabetes

– Obesidade

– Osteoporose

– Pressão alta

– TPM

– Colica menstrual

– Síndrome do intestino irritável

– Refluxo

– Dificuldade para engolir

A principal forma de assimilar magnésio é pela alimentação. Porém o solo brasileiro é pobre nesse mineral, que é mais presente em terras vulcânicas.

cura-magnesio-37298332

Além da suplementação, para quem não quer ter deficiência de magnésio, deve-se:

1. Parar de perder magnésio:

– diminua o consumo de café, dos refrigerantes de cola, sal, açúcar e álcool

– Verifique com seu médico se alguma medicação pode estar eliminando magnésio (muitas drogas de hipertensão e diuréticos causam perda de magnésio)

2. Comer alimentos ricos em magnésio:

– amêndoas, castanha de caju, trigo mourisco, castanha-do-pará, avelãs, milho, nozes, centeio, tofu, arroz, figos, tâmaras, couve, camarão, abacate, salsa, alho, sal integral (como o do Himalaia ou o sal grosso de Guérande)

A suplementação de magnésio

Podemos dizer que quase 90% da população precisa consumir diariamente um suplemento de magnésio, mas o recomendável é você buscar a ajuda de um bom médico ou nutricionista.

Não basta só tomar o magnésio, ele precisa ser ingerido em conjunto com o cálcio, a vitamina D e a vitamina K2.

Se você consumir muito cálcio e pouco magnésio, pode, por exemplo, desencadear um problema cardíaco sério. O segredo está na ingestão correta de cada substância, no equilíbrio.

Os melhores suplementos de magnésio, ou seja, os de melhor absorção, são o glicinato de magnésio, o cloreto de magnésio, o sulfato de magnésio e o citrato de magnésio.

Muito elogiado é o cloreto de magnésio, veja aqui como fazer –> água de cloreto de magnésio

Fonte:  curapelanatureza.

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.