Os melhores exercícios para aliviar os sintomas da síndrome do túnel do carpo

Você tem esse problema ou conhece alguém que tem? Isso pode ser muito útil!

A síndrome do túnel do carpo é um problema que afeta cerca de 75 milhões de pessoas em todo o mundo.

E é comum em músicos, digitadores, redatores, escritores e costureiras, justamente por serem atividades manuais ou que forçam uma mesma posição das mãos.

O túnel do carpo é uma passagem anatômica, localizada na porção anterior do punho, formada por um arco de ossos e por um forte ligamento, chamado de ligamento transverso do carpo.

tunel-carpal

Dentro desse túnel, estão os tendões flexores para os dedos (total de nove) e o nervo mediano, que é responsável pela sensibilidade do polegar, indicador, dedo médio e a metade externa do dedo anular.

O nervo mediano localiza-se logo abaixo do ligamento transverso do carpo e, por ser a estrutura mais delicada no interior desse túnel, pode causar sensação de dor e dormência nas mãos ao ser comprimido.

A síndrome do túnel do carpo é, em resumo, o conjunto de sinais e sintomas (dor, dormência, formigamento, falta de força) causados pela compressão do nervo mediano no punho.

Estes três exercícios são muito simples e vão ajudar.

Exercício 1

síndrome do túnel do carpo (2)

1. Inicie o exercício com as palmas das mãos juntas na frente de seu peito, logo abaixo de seu queixo.

2. Abaixe lentamente as mãos para sua cintura, mantendo as mãos perto de seu estômago e as palmas juntas, até sentir um estiramento de leve a moderado nos antebraços.

3. Mantenha essa posição por, pelo menos, 15-30 segundos e repita o exercício de 2 a 4 vezes.

Exercício 2

síndrome do túnel do carpo (3)

1. Estenda um braço para a frente com a palma para cima.

2. Dobre o pulso, a mão apontando para o chão.

3. Com a outra mão, dobre seu pulso até que você sinta um estiramento de leve a moderado no antebraço.

4. Mantenha esta posição por, pelo menos, 15-30 segundos e repita o exercício de 2 a 4 vezes.

Exercício 3

síndrome do túnel do carpo (4)

1. Estenda um braço para a frente com a palma para baixo.

2. Dobre o pulso, a mão apontando para o chão.

3. Com a outra mão, dobre delicadamente o pulso até que você sinta um estiramento de leve a moderado no antebraço.

4. Mantenha esta posição por, pelo menos, 15 a 30 segundos e repita o exercício de 2 a 4 vezes.

Estes exercícios vão melhorar a circulação na área das mãos e dos braços e podem até reduzir o inchaço.

Eles devem ser feitos umas três vezes por dia, depois de atividades desgastantes ou enquanto você está sentado trabalhando com seu computador.

Fonte: curapelanatureza

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.