Saiba porque tomar chá de alecrim é tão bom

Você bebe regularmente chá de alecrim? Se a resposta for “não”, você está perdendo muito. Esse delicioso chá pode ser feito puro ou misturado a outras ervas.

Para fazê-lo é simples: uma colher de chá rasa de sopa de alecrim para uma xícara de água ou uma colher de sopa de alecrim para um litro. Ferva a água, apague o fogo e jogue a erva lavada dentro. Quando amornar, está pronta para beber.

Tome pelo menos uma xícara ao dia. Pode ser à noite, antes de dormir. O hábito de tomar chá é saudável.

Veja os benefícios do alecrim:

cha-de-alecrim-para-emagrecer-3893023

Ajuda a recompor o sistema nervoso após uma longa atividade intelectual.
Ajuda o corpo a assimilar o açúcar, por isso é ótimo para diabéticos.
É digestivo e sudorífero.
É excelente contra anemia, menstruação insuficiente e problemas de irrigação sanguínea.
É excelente contra resfriado e bronquite.
É indicado para tendinite e dores musculares.
É indicado para problemas no coração, como arritmia cardíaca.
É ótimo contra cansaço mental e estafa.
É ótimo contra perda de memória e aumenta a capacidade de aprendizado.
É ótimo para a saúde da pele e contra lesões e queimaduras.
É útil contra queda de cabelo e caspa. Nesses casos, pode-se beber o chá e enxaguar o cabelo com ele.
Equilibra a temperatura do sangue e de todo o corpo.
Estimula o metabolismo, agindo no fígado e melhorando a irrigação dos órgãos.
Fortalece o centro vital e age em todo o organismo.

Fonte:  ciclovivo

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.