Seu inchaço pode ser retenção de líquidos! Aqui estão 4 maneiras de corrigi-lo

Você pode ter ouvido alguém falando que está sentindo um pouco inchado ou retendo líquidos? Você está no lugar certo!

O que é Retenção de Água?

A retenção de água ou retenção de líquidos, se refere a uma acumulação excessiva de fluido no sistema circulatório, tecidos ou cavidades corporais no corpo. O inchaço que ocorre a partir da retenção de água é referida como edema. O edema pode ocorrer nas mãos, braços, tornozelos, pernas e pés.

O corpo é constituído por cerca de 70% de água, e a ingestão de água em excesso é excretada pelos rins na forma de urina. Este sistema pode não estar funcionando bem, e isso faz com que o corpo segure água em excesso.

Aqui estão várias maneiras surpreendentes de como a retenção de água pode estar ocorrendo em seu corpo:

1. ingestão excessiva de sódio: O sal é composto de sódio e cloreto. O equilíbrio entre eles podem ser afetados quando a ingestão ou a perda é excessiva, por isso quantidades elevadas de sódio no organismo podem levar a um desequilíbrio, causando edema.

2. deficiência de vitamina ou mineral: A deficiência de vitaminas e minerais importantes podem fazer o corponão  funcionar adequadamente e levar a sintomas indesejados.

Uma deficiência de vitamina B1 (Tiamina) é uma causa conhecida de retenção de líquidos. A falta desta vitamina no organismo pode levar a dor, rigidez articular e inchaço.

O potássio é essencial para manter a função adequada de células, tecidos e órgãos, e consumo elevado de sal pode levar a uma depleção de potássio no corpo.

A Vitamina B6 (piridoxina) é uma vitamina que é essencial para evitar a retenção de água, uma vez que controla diversos aspectos do equilíbrio da água no corpo.

3. certos medicamentos: Medicamentos que abrem os vasos sanguíneos, conhecidos como vasodilatadores, bloqueadores de cálcio, não-esteroides, anti-inflamatórios, medicações de estrogênio, várias drogas quimioterápicas e alguns medicamentos para diabetes podem causar edema.

As pílulas anticoncepcionais contêm estrógeno e outros hormônios que também podem causar retenção e inchaço.

bloating-fix-FI-759x420

Remédios naturais para reduzir a retenção de líquidos

1.Dente de leão, tem um efeito diurético, o que faz com que seja uma grande solução natural para remover o excesso de água do corpo. Ele também contém potássio, que reduz os níveis de sódio. Faça um chá de dente de leão com 1 colher de chá da erva com 250ml de água quente, deixe agir por 10 minutos, coe e beba até 3 vezes por dia.

2. Sal de Epsom, pode parecer estranho corrigir este problema usando sal, mas um banho de sal Epsom pode ajudá-lo a se livrar da retenção de água através de osmose reversa. Ele extrai os fluidos e o excesso de toxinas do seu corpo. Basta misturar 2 xícaras de sal Epsom na água do banho quente e mergulhar nele por cerca de 15 minutos. Repita até 3 vezes por semana.

3. Salsa, como o dente de leão, a salsa também tem propriedades diuréticas. Para fazer o chá de salsa, coloque 2 colheres de chá de folhas de salsa secas em uma xícara de água fervente e deixe em infusão por 10 minutos. Beba até 3 vezes por dia.

4. Sementes de funcho, atua como um diurético e contribui para aumentar a saída de sódio e eliminar a água a partir dos rins. Pode também ajudar na digestão. Coloque 1 colher de chá de sementes de funcho em um copo de água quente, cubra e deixe em infusão por 10 minutos. Coe o chá, e beba até 3 vezes por dia.

Fonte:  curapelanatureza |  howhunter

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.