Você conhece o perigo dos secadores de mãos em banheiros públicos?

Banheiros públicos são lugares cheios de bactérias. Acontece que, mesmo nos banheiros mais limpos existem sujeiras e muitas coisas nojentas – E-coli, coliformes fecais, e até mesmo o vírus mortal da MSRA pode ser encontrado em assentos sanitários.

Então, evite eles o máximo que puder!

As empresas têm tentado por muito tempo chegar a uma solução para o problema desses germes. Algumas das idéias são realmente muito boas, como dispensadores de sabão automatizado e torneiras automáticas.

Mas os secadores extravagantes de mãos não!

Você nunca vai se livrar de todas as bactérias em suas mãos quando você usar um banheiro público. Vamos deixar isto claro!

Ninguém tem tempo para passar por todas as etapas de lavagem das mãos importantes, especialmente quando você está ficando sem oxigênio, porque está segurando a respiração devido ao cheiro do banheiro.

Então, depois de terminar de lavar suas mãos, qual o próximo passo?  O uso do secador de mão automático, é claro!

Quando a rajada de vento sai do secador de mãos, ele te expõe a todas as bactérias que estavam em suas mãos.

hand-dryer-FI-759x420

E estes novos secadores de mãos parecem impressionantes ao primeiro olhar, mas eles te prejudicam. Isso porque eles lançam uma quantidade insana de vírus no ar, que vai durar um tempo muito longo.

Eles secam as mãos muito rápido, mas o ar contaminado não desaparece na mesma velocidade. Opte pelas antigas toalhas de papel, sempre que possível.

Fonte: davidwolf

Se inscreva no canal do Natureba no YouTube e fique por dentro das novidades!

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde - médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.